Acessibilidade Contraste

Notícias

Saúde

Vigilância Sanitária de Lajeado alerta sobre uso ilegal de câmaras de bronzeamento artificial

29/11/2022

Compartilhe:

A Vigilância Sanitária (VISA) da Prefeitura de Lajeado alerta sobre o uso ilegal de câmaras de bronzeamento artificial. O setor vem recebendo denúncias sobre o uso deste tipo de equipamento para fins estéticos que está proibido no país desde 2009. A RDC 56/09 proíbe, além do uso, a importação, o recebimento em doação, aluguel e a comercialização destas máquinas.

 

Estudo da Agência Internacional para Pesquisa em Câncer indica que a prática do bronzeamento artificial aumenta em 75% o risco do desenvolvimento de melanoma em pessoas que se submetem ao procedimento até os 35 anos de idade. Ainda, segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), os equipamentos utilizados para fins estéticos não contam com manutenção adequada e têm sido utilizados sem controle.

 

A proibição não se aplica aos equipamentos com emissão de radiação ultravioleta, devidamente registrados, destinados a tratamento médico ou odontológico. 

 

Apesar do bronzeamento artificial ser um procedimento proibido por lei e oferecer risco à saúde da população, é sabido que ainda existem equipamentos para fins estéticos em uso em estabelecimentos de embelezamento que funcionam ilegalmente. Estes casos devem ser denunciados à VISA pelo fone (51) 3982-1106 ou pelo e-mail vigilancia.sanitaria@lajeado.rs.gov.br 

Compartilhe:

de

0

Leia notícias relacionadas